S. Francisco Xavier

S. Francisco Xavier nasceu no Castelo de Xavier em Navarra, Espanha, em 7 de Abril de 1506, sendo o oitavo filho de uma família nobre, repleta de riqueza e tradição.  Inicia os seus estudos aos sete anos em Espanha e aos 14 é transferido para Paris onde estuda no Colégio de Santa Bárbara; entre outras disciplinas aprende a língua francesa, alemã e italiana. Aos 18 anos ingressa na Universidade, em Paris, onde se forma em Filosofia, Latim, Humanidades, obtendo os graus de Bacharel em 1526 e de Mestre em 1530. Faz votos de pobreza, castidade e parte para a Terra Santa. Depois de peregrinação pelos Lugares Santos, ingressa no Seminário de Veneza a 15 de Agosto de 1530. Em 1536, Francisco Xavier é ordenado sacerdote. A anexação da sua  Navarra por Castela deixa-o muito abalado e sem vontade de lá voltar. Por essa época D. João III solicita ao Papa a disponibilização de uma ordem para evangelizar as terras descobertas ou tomadas pelos portugueses. É integrado nesse grupo que Francisco chega a Portugal vindo de Roma e começa por prestar serviço no hospital de Todos-os-Santos. Em 1541 embarca para a Índia onde conhece por exemplo o médico e naturalista português Garcia de Orta. Faz várias jornadas de evangelização no continente asiático e africano: Goa, Málaca, Molucas, Etiópia, Japão e China. Em alguns destes locais com sucesso, convertendo muitas pessoas ao cristianismo noutros com menos sucesso. Mesmo nos locais onde não teve sucesso religioso, como no Japão, revelou-se um hábil negociador, tendo conseguido acordos comerciais com muitas comunidades asiáticas. Morreu a 12 de Dezembro de 1552, na Ilha de Sanchono na China no meio de muitas privações e sofrimento. Mas a sua obra em prol da expansão do cristianismo é reconhecida, a  25 de Outubro de 1605, quando o Papa Paulo V faz dele beato da igreja, e mais tarde, em 12 de Março de 1622 o Papa Gregório XV canoniza-o como São Francisco Xavier.  S. Francisco Xavier é o Santo Padroeiro de Goa. O seu corpo está hoje na Basílica do Bom Jesus na Velha Goa; de dez em dez anos é exposto publicamente, numa cerimónia que se reveste de uma enorme importância para a comunidade goesa espalhada pelo mundo, que procura voltar à sua terra nesta data, mas também para muitos hindus que o veneram. S. Francisco Xavier simboliza o esforço dos ocidentais para enraizarem o cristianismo no oriente.

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Pessoas. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s